Comédias de Sempre

Textos novos toda segunda e sexta as 18:30h!

16 de ago. de 2019

Diálogos com meu gato #04: O Cachorro


   Eu queria poder dizer que consegui fazer o meu gato se dar bem com o meu cachorro! Serio, queria mesmo, mas não posso! Desde que o cachorro chegou que o gato não aparece no quintal e nenhuma das vezes que eu tentei fazer eles se aproximarem deu certo! Não pelo cachorro, porque ele é meio retardado e gosta de todo mundo, mas pelo gato que, talvez algum instinto, não quer nem saber de chegar perto dele!
   E foi numa dessas que ouvi ele miando insistentemente nos fundos da casa, em cima do teto do vizinho.
   -Se quer alguma coisa desce! - Avisei.
   -Não!
   -Porque não?
   -Porque ele está aí!
   -Ele quem?
   -O cachorro!
   -Ele não vai te fazer nada! Além disso ele está preso no quintal, não vai chegar aqui!
   -Não, ele está escondido por aí!
   -Desde ou vai morrer de fome!
   Desceu, com seu rotineiro olhar de puro ódio para mim. Ele podia dizer não em qualquer outra circunstância, mas comida é comida, ainda mais para ele que guardava o instinto dos felinos ancestrais, que morriam, mas garantiam a refeição.
   Me acompanhou até a cozinha, enquanto eu pegava a ração dele no armário. Subiu na mesa.
   -A porta da frente estava aberta! - Resmungou.
   -Vocês deviam ser amigos! Eu sei que você é muito superior a ele em qualquer critério - Por sorte ele não entendia sarcasmo. - Mas ainda assim, vocês moram juntos e eu não vou me livrar dele! Além disso, tem cachorros na rua e você não deixa de ir lá por medo deles!
   -É diferente!
   Coloco a ração no chão para ele, e ele se aproxima e começa a comer com tranqüilidade. Então saio calmamente para o quintal da frente, onde o cachorro me espera com a tradicional cara de bobo dele.
   -Eu tentei conversar com o gato, mas não foi dessa vez ainda! Se contente com a ração!

_______________________
   *E claro, como já postei uma foto do meu gato uma vez, então segue uma do meu cachorro, que eu também não sei a raça, o que torna meu desempenho como dono duvidoso, eu sei disso!



Meu Twitter